Mulher é encontrada morta com tiro na cabeça em assentamento na área rural de Ariquemes

 14  Anos - Nesta quinta-feira, (17/10) por volta das 16h30m, a Central de Operações da Polícia Militar acionou a guarnição da PATAMO, comandada pelo Sgt. Dutra, para se deslocarem até uma área de invasão no Assentamento Terra Nossa, situada na RO-257, KM-51 do lado direito, para averiguar um possível suicídio ou Homicídio.

 As equipes de reportagens do Canal 35.1 e Site Ariquemes190 acompanharam a guarnição da PATAMO, Perícia e Funerária, e ao chegarem no local indicado, os policiais se depararam com a vítima Luciene Alves Pinto, 35 anos, morta no interior de um barraco, apresentando um ferimento na cabeça ocasionado por um disparo de arma de fogo tipo garrucha. Enquanto a Perícia realizava os trabalhos, o SGT Dutra conversava com o marido da vítima, A. L. A., o qual informou que reside no local há quase um ano e com a vítima tem três filhos menores de idade. 

O mesmo afirmou que os dois estavam bebendo pinga, quando houve uma discussão, ela entrou no barraco e se matou. Os policias deram voz de prisão para o mesmo pelo fato de ser o proprietário da arma. Foi visualizado pelos policias que o barraco estava todo revirado, como se alguém tivesse entrado em vias de fato. 

A princípio a ocorrência foi registrada como suicídio, mas a Polícia não descarta um crime de Homicídio. A Polícia Civil investiga o caso. As crianças foram entregues ao Conselho Tutelar. Melhores informações no Programa Bronca da Pesada desta sexta-feira, (18/10), que vai ao ar a partir das 11 horas, com reprise às 20 horas pela TV do Povo - Canal 35.1.

Fonte; Ariquemes 190